A Cegueira da Reforma Trabalhista

Ref: 978-85-473-2439-1

A atual situação política do Brasil fez emergir discussões sobre garantias trabalhistas e estagnação econômica, culminando, dentre outras, na promulgação da Reforma Trabalhista em 13 de julho de 2017. Tal medida – normalmente adotada em tempos de crise, em que indivíduos são levados a abdicar de liberdade em prol de segurança – aproxima-se do conceito bárbaro e caótico de estado de natureza, como descrito por Thomas Hobbes.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 38,00 R$ 30,40 20% off
ADICIONAR 
AO carrinho

Versão digital
R$ 38,00 R$ 17,00 56% off

Nossos eBooks estão no formato ePub, o mais aceito nos variados aparelhos nos quais se podem ler livros digitais: eReaders, Smartphones, iPads, iPhones e PCs (este último por meio do Adobe Digital Editions). Os livros podem ser comprados via download nas seguintes livrarias online:

- Amazon (formato Mobi disponível para Kindle)

- Google Play Livros

- Apple Books

- Cultura/Kobo

ISBN: 978-85-473-2439-1


ISBN Digital: 978-85-473-2439-1


Edição: 1


Ano da edição: 2019


Data de publicação: 30/01/2018


Número de páginas: 109


Encadernação: Brochura


Peso: 200 gramas


Largura: 14.8 cm


Comprimento: 21 cm


Altura: 2 cm


1. Marcos Alexandre Costa de Souza Póvoas.

2. Mariana de Faro Felizola.

A atual situação política do Brasil fez emergir discussões sobre garantias trabalhistas e estagnação econômica, culminando, dentre outras, na promulgação da Reforma Trabalhista em 13 de julho de 2017. Tal medida – normalmente adotada em tempos de crise, em que indivíduos são levados a abdicar de liberdade em prol de segurança – aproxima-se do conceito bárbaro e caótico de estado de natureza, como descrito por Thomas Hobbes.

Nesse sentido, o presente livro traz uma análise investigativa quanto à possibilidade de manutenção da ordem constitucional durante situações políticas críticas, utilizando-se de doutrina renomada na temática para destacar as barreiras constitucionais a serem enfrentadas pelas mudanças propostas. Ao mesmo tempo, procuramos trazer melhores estratégias para substituir o discurso que defende a flexibilização de direitos trabalhistas.

Para isso, as obras de José Saramago intituladas Ensaio sobre a Cegueira e Ensaio sobre a Lucidez foram escolhidas como gatilhos, tendo em vista a capacidade do autor em descrever o comportamento humano em situações de extrema luta por ordem em ambientes de caos. Ademais, com o auxílio da interdisciplinaridade, também serão utilizados os estudos de Michel Foucault sobre a microfísica do poder e a biopolítica para investigar o discurso trazido pelos defensores da citada Reforma.

Assim, com esta obra pretendemos delinear os valores constitucionais que foram negligenciados perante o atual cenário político para que melhor possamos entender os desafios sociais e como influenciam o ordenamento jurídico. Tendo sempre em conta que não se pode deixar que impasses políticos ultrapassem os liames da Constituição Federal em um Estado Democrático de Direito.