Música, Juventude e a Construção da Identidade de Gênero no Espaço Escolar

Ref: 978-85-473-2635-7

Ainda que a temática da construção social da identidade de gênero tenha avançado muito no âmbito dos direitos legais de homens e mulheres na última década, o assunto gênero ainda é visto com desprezo, preconceito e até mesmo com pudor, quando se trata de discuti-lo nas políticas públicas de educação. Por isso, este livro dedicou-se a compreender as relações existentes entre a identidade de gênero e as preferências musicais de jovens de uma escola pública de Porto Alegre.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 55,00
ADICIONAR 
AO carrinho

Versão digital
R$ 19,00

Nossos eBooks estão no formato ePub, o mais aceito nos variados aparelhos nos quais se podem ler livros digitais: eReaders, Smartphones, iPads, iPhones e PCs (este último por meio do Adobe Digital Editions). Os livros podem ser comprados via download nas seguintes livrarias online:

- Amazon (formato Mobi disponível para Kindle)

- Google Play Livros

- Apple Books

- Cultura/Kobo

ISBN: 978-85-473-2635-7


ISBN Digital: 978-65-5523-855-6


Edição:


Ano da edição: 2019


Data de publicação: 20/02/2019


Número de páginas: 115


Encadernação: Brochura


Peso: 300 gramas


Largura: 16 cm


Comprimento: 23 cm


Altura: 2 cm


1. Helena Lopes da Silva.

Ainda que a temática da construção social da identidade de gênero tenha avançado muito no âmbito dos direitos legais de homens e mulheres na última década, o assunto gênero ainda é visto com desprezo, preconceito e até mesmo com pudor, quando se trata de discuti-lo nas políticas públicas de educação. Por isso, este livro dedicou-se a compreender as relações existentes entre a identidade de gênero e as preferências musicais de jovens de uma escola pública de Porto Alegre. Como a construção de gênero se faz presente na aula de música? De que forma a música no espaço escolar constrói a identidade de gênero? Qual a relação existente entre as escolhas musicais dos adolescentes e a identidade de gênero? Qual a relação existente entre a construção da identidade de gênero e a música da mídia consumida pelos adolescentes? Não estaria a temática gênero relacionada ao fato de ainda acharmos curioso mulheres que tocam bateria ou contrabaixo? Ou de termos uma baixa procura das mulheres nos cursos de bacharelado em composição? Não estaria relacionada com a resistência dos meninos em participar de grupos corais na escola ou mesmo em demonstrarem determinadas preferências musicais? Este estudo ressalta a importância de trazer a temática da constrição da identidade de gênero para a educação, especialmente pata a educação formal de crianças, jovens e adultos, uma vez que, sendo a escola o lugar democrático de acesso ao conhecimento, deve ser obrigatoriamente também ser o espaço do respeito às diferenças.