Fontes da Pedagogia Latino-Americana: Heranças (Des)Coloniais

Ref: 978-85-473-3619-6

Fontes da pedagogia latino-americana: heranças (des)coloniais tem por objetivo participar do trabalho de construção de uma memória histórica coletiva que contribuiu para a elaboração de um pensamento pedagógico-educativo latino-americano. Tem-se como pressuposto que a compreensão do contexto histórico é essencial para inserir a busca de alternativas emancipatórias num corpo de práticas e reflexões invisibilizadas em nossa formação como educadores e educadoras.Contou-se com a colaboração de pesquisadores e pesquisadoras de diversos países da América Latina para compreender autores e autoras no seu tempo histórico e sua relevância para a atualidade educativa latino-americana. Em cada capítulo, há notas sobre a vida e a obra, uma introdução ao pensamento pedagógico de cada autor e autora, acrescido de textos e excertos de fontes originais.No conjunto de personagens que apresentamos nesta obra, podemos identificar questões que revelam a força da tradição, mas também desajustes do sistema-mundo (colonial-imperial-capitalista-patriarcal), confrontados pela pluralidade de alternativas que cada época e sujeitos produzem. Como resultado do encontro violento entre civilizações, a América Latina ofereceu-nos respostas descoloniais aos problemas comuns. Os conflitos e as contradições estão presentes nas fontes aqui apresentadas, mas ao mesmo tempo elas comungam o esforço de se elevar acima do possível no sentido de alargar o campo de ação ou de apontar novos horizontes.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 68,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-473-3619-6


Edição:


Ano da edição: 2019


Data de publicação: 25/09/2019


Número de páginas: 301


Encadernação: Brochura


Peso: 100 gramas


Largura: 21 cm


Comprimento: 27 cm


Altura: 2 cm


1. Danilo R. Streck.

2. Cheron Zanini Moretti .

3. Telmo Adams .

Fontes da pedagogia latino-americana: heranças (des)coloniais tem por objetivo participar do trabalho de construção de uma memória histórica coletiva que contribuiu para a elaboração de um pensamento pedagógico-educativo latino-americano. Tem-se como pressuposto que a compreensão do contexto histórico é essencial para inserir a busca de alternativas emancipatórias num corpo de práticas e reflexões invisibilizadas em nossa formação como educadores e educadoras.
Contou-se com a colaboração de pesquisadores e pesquisadoras de diversos países da América Latina para compreender autores e autoras no seu tempo histórico e sua relevância para a atualidade educativa latino-americana. Em cada capítulo, há notas sobre a vida e a obra, uma introdução ao pensamento pedagógico de cada autor e autora, acrescido de textos e excertos de fontes originais.
No conjunto de personagens que apresentamos nesta obra, podemos identificar questões que revelam a força da tradição, mas também desajustes do sistema-mundo (colonial-imperial-capitalista-patriarcal), confrontados pela pluralidade de alternativas que cada época e sujeitos produzem. Como resultado do encontro violento entre civilizações, a América Latina ofereceu-nos respostas descoloniais aos problemas comuns. Os conflitos e as contradições estão presentes nas fontes aqui apresentadas, mas ao mesmo tempo elas comungam o esforço de se elevar acima do possível no sentido de alargar o campo de ação ou de apontar novos horizontes.