Estudios en Organizaciones Públicas, Privadas y Sociales en América Latina y el Caribe

Ref: 978-85-473-3772-8

Estudios en organizaciones públicas, privadas y sociales en América Latina y el Caribe é uma obra coletiva realizada por pesquisadores da América Latina e do Caribe. Com enfoque na área de Ciências Sociais, traz temas de relevância para a conjectura latino-americana e caribenha, como as questões urbanas e sustentabilidade; o perfil atual do desenvolvimento das organizações da sociedade civil no México; o controle jurisdicional de políticas públicas na doutrina brasileira; a perspectiva institucional e os fatores que inibem o empreendimento das mulheres que habitam em Chetumal, Quintana Roo, México. Sobre a questão de gênero, analisa a legalidade do Art. 451 das Normas da Corregedoria Geral da Justiça do Estado do Maranhão (Brasil), cuja regra é vista ante o princípio da igualdade de gênero, concluido, ao final, pela inaplicabilidade de seus dizeres por contrariar preceitos constitucionais e infraconstitucionais de hierarquia superior.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 66,00
ADICIONAR 
AO carrinho

Versão digital
R$ 29,00

Nossos eBooks estão no formato ePub, o mais aceito nos variados aparelhos nos quais se podem ler livros digitais: eReaders, Smartphones, iPads, iPhones e PCs (este último por meio do Adobe Digital Editions). Os livros podem ser comprados via download nas seguintes livrarias online:

- Amazon (formato Mobi disponível para Kindle)

- Google Play Livros

- Apple Books

- Cultura/Kobo

ISBN: 978-85-473-3772-8


ISBN Digital: 978-85-473-3773-5


Edição:


Ano da edição: 2019


Data de publicação: 03/11/2019


Número de páginas: 269


Encadernação: Brochura


Peso: 300 gramas


Largura: 16 cm


Comprimento: 23 cm


Altura: 2 cm


1. Lisandro Alvarado.

2. Aparecida Zuin.

Estudios en organizaciones públicas, privadas y sociales en América Latina y el Caribe é uma obra coletiva realizada por pesquisadores da América Latina e do Caribe. Com enfoque na área de Ciências Sociais, traz temas de relevância para a conjectura latino-americana e caribenha, como as questões urbanas e sustentabilidade; o perfil atual do desenvolvimento das organizações da sociedade civil no México; o controle jurisdicional de políticas públicas na doutrina brasileira; a perspectiva institucional e os fatores que inibem o empreendimento das mulheres que habitam em Chetumal, Quintana Roo, México. Sobre a questão de gênero, analisa a legalidade do Art. 451 das Normas da Corregedoria Geral da Justiça do Estado do Maranhão (Brasil), cuja regra é vista ante o princípio da igualdade de gênero, concluido, ao final, pela inaplicabilidade de seus dizeres por contrariar preceitos constitucionais e infraconstitucionais de hierarquia superior.
Há ainda o interesse de investigações nas organizações a partir de uma construção teórica conceitual sobre a qualidade do emprego, em particular o trabalho digno sob a perspectiva da Organização Internacional do Trabalho (OIT). Nesse contexto, discute como as instituições de ensino superior precisam se adaptar às necessidades da sociedade, considerando as tendências econômicas, sociais, políticas e culturais da América Latina e do Caribe. Correlacionados a esses temas, traz a questão da ética na pesquisa científica na Colômbia. Tão importante quanto a questão da ética na pesquisa, aponta o assunto da corrupção como ônus insustentável para a sociedade, e o papel da academia na oferta de subsídios para suporte aos indivíduos e aos grupos, na direção de comportamentos éticos e coerentes no Brasil.
Com estudos na área financeira, apresenta a análise de instrumentos financeiros da era digital. Com foco inovador, investiga a participação coletiva nas empresas da economia colombiana; discute a incidência da taxa de câmbio nominal sobre o valor das exportações de manufaturados na Colômbia; apresenta um diagnóstico da situação do Voluntariado Corporativo (VC) no Uruguai.
Com raízes, alma e sangue latino-americano, destinamos esta obra a todos aqueles que almejam pensar a América Latina e o Caribe como lugar de muitos lugares, e o lugar da nossa fala.
Prof.ª Dr.ª Aparecida Zuin (Brasil/Rondônia/Amazônia Ocidental)
Prof. Dr. Lisandro José Alvarado Peña (Venezuela/México)