Mídia, Religião e Cultura: Percepções e Tendências em Perspectiva Global

Ref: 978-85-5507-313-7

Este livro é uma coletânea de trabalhos de 11 autores nacionais e 4 internacionais, desenvolvidos no âmbito do Grupo de Pesquisa Mídia, Religião e Cultura (MIRE). O fenômeno religioso adquire novas configurações com a maior circulação dos meios de comunicação na vida cotidiana dos sujeitos e também no âmbito das instituições religiosas. Agregamos pesquisas sobre religião e comunicação/mídia nas mais diferentes áreas de conhecimento, a partir dos seguintes eixos: 1) a interação das instituições religiosas com os meios de comunicação para reforçar identidades e alteridades, realizar sua comunicação e instrução interna, efetuar propaganda, evangelização, proselitismo, e/ou para se inserir em amplos debates na esfera pública; 2) a assimilação de símbolos e imaginários religiosos pela chamada mídia secular para instrução e/ou entretenimento e/ou informação; 3) a interação que os agentes religiosos realizam com os meios de comunicação, religiosos e/ou seculares, seja para estreitar laços com sua tradição religiosa, ou para questioná-la ou para reelaborá-la; 4) a estreita relação que tem sido construída em religião, política e mídias, dado o espaço conquistado por grupos religiosos na esfera pública, transformando-a em arena de disputas por poder político e religioso – tais disputas são marcadas por manifestações de intolerância e, ao mesmo tempo, por processos de afirmação de grupos religiosos minoritários.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 72,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-5507-313-7


Edição:


Ano da edição: 2019


Data de publicação: 06/11/2019


Número de páginas: 446


Encadernação: Brochura


Peso: 300 gramas


Largura: 16 cm


Comprimento: 23 cm


Altura: 2 cm


1. Karina Kosicki Bellotti .

2. Magali do Nascimento Cunha.

Este livro é uma coletânea de trabalhos de 11 autores nacionais e 4 internacionais, desenvolvidos no âmbito do Grupo de Pesquisa Mídia, Religião e Cultura (MIRE). O fenômeno religioso adquire novas configurações com a maior circulação dos meios de comunicação na vida cotidiana dos sujeitos e também no âmbito das instituições religiosas. Agregamos pesquisas sobre religião e comunicação/mídia nas mais diferentes áreas de conhecimento, a partir dos seguintes eixos: 1) a interação das instituições religiosas com os meios de comunicação para reforçar identidades e alteridades, realizar sua comunicação e instrução interna, efetuar propaganda, evangelização, proselitismo, e/ou para se inserir em amplos debates na esfera pública; 2) a assimilação de símbolos e imaginários religiosos pela chamada mídia secular para instrução e/ou entretenimento e/ou informação; 3) a interação que os agentes religiosos realizam com os meios de comunicação, religiosos e/ou seculares, seja para estreitar laços com sua tradição religiosa, ou para questioná-la ou para reelaborá-la; 4) a estreita relação que tem sido construída em religião, política e mídias, dado o espaço conquistado por grupos religiosos na esfera pública, transformando-a em arena de disputas por poder político e religioso – tais disputas são marcadas por manifestações de intolerância e, ao mesmo tempo, por processos de afirmação de grupos religiosos minoritários.