O Professor de Apoio: Reflexos e Desdobramentos das Políticas Públicas de Inclusão na Educação Especial

Ref: 978-85-473-3414-7

Neste livro, O professor de apoio: reflexos e desdobramentos das políticas públicas de inclusão na educação especial, em breve histórico, remetemo-nos ao contexto da inclusão pelos movimentos sociais e às iniciativas de políticas públicas iniciadas na década de 1990 até aos momentos contemporâneos sobre a prática de um mercado neoliberal e a globalização mundial, seguindo o entendimento do filósofo francês Michel Foucault no que define como “discurso”. Não se trata do que as lutas ou os sistemas de dominação o definem, mas a motivação sobre aquilo por que se luta e pelo que se quer tomar poder. Nesse contexto o discurso da inclusão no contexto educacional tem se constituído de forma cada vez mais densa e tomado como verdadeiro, e ir contra esse discurso é ir contra as tendências do que se convencionou como normal.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 72,00
ADICIONAR 
AO carrinho

Versão digital
R$ 32,00

Nossos eBooks estão no formato ePub, o mais aceito nos variados aparelhos nos quais se podem ler livros digitais: eReaders, Smartphones, iPads, iPhones e PCs (este último por meio do Adobe Digital Editions). Os livros podem ser comprados via download nas seguintes livrarias online:

- Amazon (formato Mobi disponível para Kindle)

- Google Play Livros

- Apple Books

- Cultura/Kobo

ISBN: 978-85-473-3414-7


ISBN Digital: 978-85-473-3415-4


Edição:


Ano da edição: 2019


Data de publicação: 12/11/2019


Número de páginas: 295


Encadernação: Brochura


Peso: 300 gramas


Largura: 16 cm


Comprimento: 23 cm


Altura: 2 cm


1. Flávia Junqueira da Silva.

2. Lazara Cristina da Silva.

Neste livro, O professor de apoio: reflexos e desdobramentos das políticas públicas de inclusão na educação especial, em breve histórico, remetemo-nos ao contexto da inclusão pelos movimentos sociais e às iniciativas de políticas públicas iniciadas na década de 1990 até aos momentos contemporâneos sobre a prática de um mercado neoliberal e a globalização mundial, seguindo o entendimento do filósofo francês Michel Foucault no que define como “discurso”. Não se trata do que as lutas ou os sistemas de dominação o definem, mas a motivação sobre aquilo por que se luta e pelo que se quer tomar poder. Nesse contexto o discurso da inclusão no contexto educacional tem se constituído de forma cada vez mais densa e tomado como verdadeiro, e ir contra esse discurso é ir contra as tendências do que se convencionou como normal. Dessa forma, o papel do professor de apoio para estudantes público da educação especial na concepção de uma educação inclusiva, e as políticas públicas referentes à atuação desse profissional, são recentes no contexto do cenário da educação brasileira e merece ser analisado. Neste livro abordamos a análise do discurso nas diferentes redes de ensino do país de forma sintética, mas especificamos as abordagens políticas e práticas discursivas decorrentes nas redes de ensino de âmbito federal, estadual e municipal de Uberlândia/MG. O diferencial desta obra está na análise do discurso entre o que se tem de políticas públicas na rede municipal de ensino de Uberlândia com as práticas discursivas observadas em duas escolas – campos de pesquisa na atuação dos professores de apoio e no contingente de profissionais envolvidos com a presença desse profissional na escola. Será uma forma de incluir os estudantes com deficiência na rede regular de ensino ou uma forma de controle sobre esses estudantes para que o discurso da inclusão seja fortalecido? Será que é uma prática de inclusão ou a presença do professor de apoio em sala de aula age na contramão do discurso da proclamada inclusão escolar?