História, Conceitos e Futebol: Racismo e Modernidade no Futebol Fora do Eixo (1889 – 1912)

Ref: 978-65-5523-156-4

História, conceitos e futebol: racismo e modernidade no futebol fora do eixo (1889 – 1912) é uma obra importante para ampliar o debate sobre o esporte mais importante do país. O futebol no Brasil, durante muito tempo, foi representado quase que exclusivamente pelas experiências esportivas do Rio de Janeiro e São Paulo e, ao mesmo tempo, explicado pelas estruturas sociais pouco aprofundadas.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 57,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-65-5523-156-4


Edição:


Ano da edição: 2020


Data de publicação: 12/05/2020


Número de páginas: 217


Encadernação: Brochura


Peso: 300 gramas


Largura: 14.8 cm


Comprimento: 21 cm


Altura: 2 cm


1. Ricardo Pinto.

História, conceitos e futebol: racismo e modernidade no futebol fora do eixo (1889 – 1912) é uma obra importante para ampliar o debate sobre o esporte mais importante do país. O futebol no Brasil, durante muito tempo, foi representado quase que exclusivamente pelas experiências esportivas do Rio de Janeiro e São Paulo e, ao mesmo tempo, explicado pelas estruturas sociais pouco aprofundadas. Neste livro, porém, apesar de reconhecer a importância desses estados, o autor foge ao eixo e percorre outras regiões do Brasil para entender de forma mais completa e complexa as questões formadoras do nosso futebol. O livro nos apresenta um diálogo profundo sobre os conceitos de racismo e modernidade nas cidades de Salvador e Porto Alegre, articulando-os à formaç ã o dos primeiros anos do futebol. Com isso, teremos a chance de entender como o futebol se tornou um esporte inclusivo, mas que seguiu mantendo as hierarquias sociais e, principalmente, as tensões entre as camadas populares e os grupos dirigentes dessas capitais. Por meio do esporte, é possível entender como o racismo estrutural se articula à ideia de modernidade e coloca o futebol no centro de um debate em que era necessário definir quem estava dentro ou fora da nova imagem do Brasil que se buscava com a Proclamação da República. Enfim, o livro traz um olhar mais cuidadoso sobre o futebol; mas, acima de tudo, explica questões profundas sobre a formação do cenário esportivo.