Trabalho e Educação Políticas Públicas de Educação Profissional e as Perspectivas dos Trabalhadores do Campo

Ref: 978-65-250-0040-4

No Brasil, as discussões e produções intelectuais acerca da Educação Profissional intensificaram-se na última década. Temáticas novas, como a questão da centralidade ou não do trabalho, misturaram-se a questões estruturais, como a dualidade da educação brasileira. Currículo Integrado, Educação Profissional, Educação do Campo e Rede Federal de Educação são temas que deram origem à pesquisa que, por meio de uma investigação sobre a Educação Profissional dos trabalhadores do campo, resultou nesta obra, tendo como espaço empírico o programa denominado Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego no Campo (Pronatec Campo).


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 44,00
ADICIONAR 
AO carrinho

Versão digital
R$ 19,00

Nossos eBooks estão no formato ePub, o mais aceito nos variados aparelhos nos quais se podem ler livros digitais: eReaders, Smartphones, iPads, iPhones e PCs (este último por meio do Adobe Digital Editions). Os livros podem ser comprados via download nas seguintes livrarias online:

- Amazon (formato Mobi disponível para Kindle)

- Google Play Livros

- Apple Books

- Cultura/Kobo

ISBN: 978-65-250-0040-4


ISBN Digital: 978-65-250-0028-2


Edição:


Ano da edição: 2020


Data de publicação: 16/02/2021


Número de páginas: 179


Encadernação: Brochura


Peso: 100 gramas


Largura: 16 cm


Comprimento: 23 cm


Altura: 2 cm


1. Osmar Lottermann.

No Brasil, as discussões e produções intelectuais acerca da Educação Profissional intensificaram-se na última década. Temáticas novas, como a questão da centralidade ou não do trabalho, misturaram-se a questões estruturais, como a dualidade da educação brasileira. Currículo Integrado, Educação Profissional, Educação do Campo e Rede Federal de Educação são temas que deram origem à pesquisa que, por meio de uma investigação sobre a Educação Profissional dos trabalhadores do campo, resultou nesta obra, tendo como espaço empírico o programa denominado Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego no Campo (Pronatec Campo). A questão central do trabalho envolveu as mediações e contradições na relação entre os Movimentos Sociais do Campo e as políticas do governo federal, particularmente em relação ao programa, considerando o contrassenso quanto ao processo de expansão da Rede Federal de Educação Profissional, em que o Currículo Integrado foi considerado uma prioridade. Estão presentes aqui as críticas dos Movimentos Sociais do Campo a essa mudança e sua defesa de uma Educação Profissional coerente com a do campo. Assuntos como as ações do Estado, as imposições do capital sobre o campo, o preconceito entre trabalho manual e trabalho intelectual, o individualismo, o processo educativo constituído nos Movimentos Sociais, a Educação Popular, a Educação do Campo, a cooperação, entre outros são abordados neste livro para tentar responder à seguinte questão: quais são as mediações que devem ser consideradas para que uma Educação Profissional do Campo contemple os interesses dos trabalhadores e tenha caráter transformador?