A Lei 11.645/2008: A História de como a Temática Indígena Passou a ser Obrigatória nas Escolas Brasileiras

Ref: 978-65-250-0962-9

Como a temática indígena passou a ser parte do currículo da educação básica? Das reivindicações do Movimento Indígena aos intensos debates na Comissão da Educação e Cidadania da Câmara, fundamentando-se nos conceitos de Edward Palmer Thompson e Ivor Goodson, a autora demostra que a Lei 11.645/2008 não foi fruto da vontade de uma única pessoa; antes de tudo, há toda uma conjuntura de mudanças políticas, sociais, econômicas que engendram também mudanças na educação e nos currículos escolares.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 42,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-65-250-0962-9


Edição:


Ano da edição: 2021


Data de publicação: 19/07/2021


Número de páginas: 143


Encadernação: Brochura


Peso: 300 gramas


Largura: 16 cm


Comprimento: 23 cm


Altura: 2 cm


1. Giovana de Cássia Ramos Fanelli.

Como a temática indígena passou a ser parte do currículo da educação básica? Das reivindicações do Movimento Indígena aos intensos debates na Comissão da Educação e Cidadania da Câmara, fundamentando-se nos conceitos de Edward Palmer Thompson e Ivor Goodson, a autora demostra que a Lei 11.645/2008 não foi fruto da vontade de uma única pessoa; antes de tudo, há toda uma conjuntura de mudanças políticas, sociais, econômicas que engendram também mudanças na educação e nos currículos escolares. A leitura deste livro é, portanto, fundamental para educadores, pesquisadores da área de educação e aqueles que se interessam em conhecer os meandros de uma mudança curricular, seus sujeitos e as lutas travadas no Congresso Nacional para efetivação de uma norma.