Gênero e Sexualidade na Cultura Universitária: Descortinando as Licenciaturas

Ref: 978-65-5523-411-4

O livro Gênero e Sexualidade na Cultura Universitária: descortinando as licenciaturas lança um novo olhar sobre a formação profissional-científica, em especial a formação docente no Brasil, por meio de processos como identidade, representação, produção social, regulação e consumo, que se entrelaçam e dinamizam uns aos outros, refletindo a nossa cultura cotidianamente.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 74,00
ADICIONAR 
AO carrinho

Versão digital
R$ 26,00

Nossos eBooks estão no formato ePub, o mais aceito nos variados aparelhos nos quais se podem ler livros digitais: eReaders, Smartphones, iPads, iPhones e PCs (este último por meio do Adobe Digital Editions). Os livros podem ser comprados via download nas seguintes livrarias online:

- Amazon (formato Mobi disponível para Kindle)

- Google Play Livros

- Apple Books

- Cultura/Kobo

ISBN: 978-65-5523-411-4


ISBN Digital: 978-65-5523-414-5


Edição:


Ano da edição: 2021


Data de publicação: 29/11/2021


Número de páginas: 297


Encadernação: Brochura


Peso: 300 gramas


Largura: 16 cm


Comprimento: 23 cm


Altura: 2 cm


1. Luciano Rodrigues dos Santos.

O livro Gênero e Sexualidade na Cultura Universitária: descortinando as licenciaturas lança um novo olhar sobre a formação profissional-científica, em especial a formação docente no Brasil, por meio de processos como identidade, representação, produção social, regulação e consumo, que se entrelaçam e dinamizam uns aos outros, refletindo a nossa cultura cotidianamente. Vale ressaltar que o termo cultura universitária, empregado e desenvolvido neste livro pelo autor, perpassa tais processos culturais elencados, utilizando-se de diferentes fontes bibliográficas e documentais, além de entrevistas, para conceber as experiências de professores/as e alunos/as concluintes quanto à importância das discussões sobre o respeito às diferenças e das temáticas de gênero e sexualidade na e para a formação docente. Dessa forma, por meio das experiências de professores/as e alunos/as concluintes, um dos resultados encontrados na cultura universitária ressalta que, apesar de os/as docentes das licenciaturas discutirem transversalmente e de modo aligeirado as temáticas de gênero e sexualidade em algumas aulas nos cursos, isso não é suficiente para que os/as acadêmicos/as possam lidar com a segurança e a profundidade que requerem tais questões em sala de aula na educação básica, pois são conhecimentos que alteram identidades e comportamentos humanos, além de culturas. Portanto, devido ao seu conteúdo inovador e marcante para compreender também a formação docente e sua relação com as temáticas de gênero e sexualidade e do respeito às diferenças, esta leitura torna-se imprescindível e uma excelente fonte de discernimento a todos/as estudantes e profissionais, principalmente os/as de educação, que se interessam por esses assuntos.