A Construção da Oralidade/Escrita em Alguns Gêneros Escritos do Discurso Escolar

Ref: 978-65-250-2146-1

O livro A construção da oralidade/escrita em alguns gêneros escritos do discurso escolar considera a língua como um lugar de interação entre o sujeito-produtor e o leitor, ou seja, entre os interlocutores e suas práticas discursivas. Os gêneros discursivos apresentam uma enorme importância no processo ensino-aprendizagem de produção e recepção de textos, pois os gêneros são mediadores da construção e constituição sócio-histórica da linguagem e do sujeito.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 38,00
ADICIONAR 
AO carrinho

Versão digital
R$ 17,00

Nossos eBooks estão no formato ePub, o mais aceito nos variados aparelhos nos quais se podem ler livros digitais: eReaders, Smartphones, iPads, iPhones e PCs (este último por meio do Adobe Digital Editions). Os livros podem ser comprados via download nas seguintes livrarias online:

- Amazon (formato Mobi disponível para Kindle)

- Google Play Livros

- Apple Books

- Cultura/Kobo

ISBN: 978-65-250-2146-1


ISBN Digital: 978-65-250-2159-1


Edição:


Ano da edição: 2022


Data de publicação: 09/03/2022


Número de páginas: 97


Encadernação: Brochura


Peso: 300 gramas


Largura: 14.8 cm


Comprimento: 21 cm


Altura: 2 cm


1. Ana Paula Santiago.

O livro A construção da oralidade/escrita em alguns gêneros escritos do discurso escolar considera a língua como um lugar de interação entre o sujeito-produtor e o leitor, ou seja, entre os interlocutores e suas práticas discursivas. Os gêneros discursivos apresentam uma enorme importância no processo ensino-aprendizagem de produção e recepção de textos, pois os gêneros são mediadores da construção e constituição sócio-histórica da linguagem e do sujeito. A partir desse princípio teórico, a obra tem como objetivo compreender e analisar, no processo de construção da escrita escolar, como os sujeitos que estão engajados prioritariamente em práticas discursivas orais vão compondo uma teoria do discurso escrito que o distingue da manifestação linguística falada, ao mesmo tempo que se evidencia uma interface entre ambas as modalidades. Assumindo o pressuposto de que o oral está na escrita e vice-versa, analisa-se, neste livro, a interface constitutiva dessas modalidades em alguns gêneros textuais escritos do discurso escolar e suas consequências na produção de textos de alunos de 6º ano de uma escola particular em Minas Gerais. A análise aponta para a existência de um processo contínuo e dialético de complementação e influência mútuas entre oralidade e escrita com reflexos importantes no ensino-aprendizagem de língua materna.