Da Escola Básica à Universidade: O Trabalho Docente e a Educação Sob Pressões

Ref: 978-65-250-2060-0

O livro Da escola básica à universidade: o trabalho docente e a educação sob pressões busca informar o leitor sobre o conjunto de reformas na educação básica e da educação superior e seus impactos no trabalho docente e no processo formativo dos últimos anos. A Parte I aborda as contribuições de autores/as como resultado de pesquisa sobre os “vai e vens” do piso salarial docente estabelecido em legislação, demonstrando os vários movimentos dos governos estaduais para burlar a lei, e da categoria docente para a luta por sua efetivação. No decorrer das exposições, ficam explícitos os entraves e as manobras políticas para impedir que os docentes avancem na organização da categoria, da carreira e na ampliação salarial. O futuro da profissão docente é nebuloso, porque sobre ele incidem interesses exógenos aos da educação, esgarçando o conjunto das condições de trabalho e a perspectiva da formação omnilateral. Na Parte II, as contribuições envolvem a universidade na região latino-americana, no continente Europeu e nos Estados Unidos.


Calcule o frete

Opções de entrega:


Versão digital
R$ 0,00

Nossos eBooks estão no formato ePub, o mais aceito nos variados aparelhos nos quais se podem ler livros digitais: eReaders, Smartphones, iPads, iPhones e PCs (este último por meio do Adobe Digital Editions). Os livros podem ser comprados via download nas seguintes livrarias online:

- Amazon (formato Mobi disponível para Kindle)

- Google Play Livros

- Apple Books

- Cultura/Kobo

ISBN: 978-65-250-2060-0


ISBN Digital: 978-65-250-2060-0


Edição:


Ano da edição: 2021


Data de publicação: 18/03/2022


Número de páginas: 382


Encadernação: Brochura


Peso: 300 gramas


Largura: 15 cm


Comprimento: 23 cm


Altura: 2 cm


1. Savana Diniz Gomes Melo.

2. Cezar Luiz de Mari.

O livro Da escola básica à universidade: o trabalho docente e a educação sob pressões busca informar o leitor sobre o conjunto de reformas na educação básica e da educação superior e seus impactos no trabalho docente e no processo formativo dos últimos anos. A Parte I aborda as contribuições de autores/as como resultado de pesquisa sobre os “vai e vens” do piso salarial docente estabelecido em legislação, demonstrando os vários movimentos dos governos estaduais para burlar a lei, e da categoria docente para a luta por sua efetivação. No decorrer das exposições, ficam explícitos os entraves e as manobras políticas para impedir que os docentes avancem na organização da categoria, da carreira e na ampliação salarial. O futuro da profissão docente é nebuloso, porque sobre ele incidem interesses exógenos aos da educação, esgarçando o conjunto das condições de trabalho e a perspectiva da formação omnilateral. Na Parte II, as contribuições envolvem a universidade na região latino-americana, no continente Europeu e nos Estados Unidos. Os estudos sinalizam as tendências históricas e atuais da organização institucional da educação superior no Brasil, na Argentina, no Chile, em Cuba, em Portugal, na Itália e nos Estados Unidos, indicando as características estruturais e organizativas, os movimentos hegemônicos, as tensões e os desafios presentes nas instituições. As especificidades de cada país demonstram que os governos nacionais buscam reorganizar suas instituições de educação superior conforme os processos globais dirigidos pelos blocos dinâmicos do capitalismo. As análises das reformas desenvolvidas nos últimos anos evidenciam que essas instituições são instadas permanentemente a assumir um duplo propósito: de um lado, ajustar-se/servir aos interesses econômicos, abrindo espaços cada vez mais amplos à mercantilização da educação; de outro, aderira modelos organizativos e a consensos formativos alheios aos interesses de estudantes e trabalhadores docentes. Mas, a prática social nessas instituições e fora delas mostra que esse processo enfrenta e seguirá enfrentando resistências.